Plataforma de Autor – Nome, Foto e Bio

Posted on Posted in Branding, Marketing Literário, Plataforma de Autor

No post da semana passada, eu falei sobre a importância da Plataforma de Autor. Vimos que as editoras buscam autores que já tenham potencial de vendas e que, para os escritores independentes, ou auto-publicados, isso é ainda mais importante, pois sem plataforma, não há resultado.

A partir desta semana vou fazer 3 posts falando sobre os aspectos mais importantes da plataforma de autor para você começar ou aperfeiçoar a sua. O assunto do post de hoje é identidade.

Quem é você enquanto autor?

O que você escreve?

Já te fiz essas perguntas no post da semana passada. Elas são essenciais, pois determinam o seu posicionamento nas redes sociais. Lembre-se, autor é uma marca. Se você quer ter uma presença marcante, precisa incorporar certos aspectos da sua literatura. Portanto, primeiro é preciso conhecer o seu trabalho. Se você for um escritor iniciante e não conhecer ainda o seu diferencial, comece trabalhando em cima dos estereótipos do seu nicho. Conforme você for se conhecendo melhor, pode ir fazendo ajustes.
Vamos começar falando de 3 partes essências para a sua identidade: Nome, Foto e Bio.

Nome

Escolha um nome artístico. Não precisa ser um pseudônimo, apenas uma forma de escrever seu nome, que seja fácil e identificável. Utilize essa forma do seu nome para todas as suas redes sociais, assinatura de e-mail e tudo o que tiver a ver com o trabalho de escritor.
Aproveite que você escolheu um nome e compre o domínio ‘.com’ e ‘.com.br’. Mesmo que você não vá fazer o site hoje, reservar seu domínio é rápido e barato.

Foto

Assim como o nome é importante que você padronize, afinal, você quer que as pessoas te reconheçam nas redes sociais. Não vale usar foto que tenha mais pessoas, ou aquela que obviamente foi cortada. Se tiver grana para pagar um fotógrafo profissional, melhor, se não tiver, improvise. Câmeras do celular hoje são boas o suficiente para dar conta das suas fotos nas redes. Peça para um amigo mais chegado em fotografia te ajudar nessa. Sim, eu estou sendo criteriosa com a foto, mas não pense que não tem liberdade de ser mais criativo com ela. Não precisa fazer aquela foto “empresarial” de roupa social com fundo liso, se a sua marca permitir algo mais descontraído. Se você escrever comédia, uma foto mais engraçada faz total sentido. Faz contos de terror? Vale brincar com as luzes e sombras do retrato, uma fotografia P&B, ou um rosto mais fechado. Você entendeu, neh?! Vale brincar com a sua personalidade na fotografia, não vale aquela foto da cervejada da turma de 10 anos atrás.

Biografia

Tenha uma. Ou melhor ainda, tenha 3 versões da sua bio prontas. Uma bem pequena, tipo 140 caracteres para poder usar nos perfis das redes mais diretas. Uma mais comprida, de uns 2 parágrafos para usar nas redes que permitem mais espaço, como o próprio Face. E uma bio mais completa para ter como referência no seu site. Em geral, é mais fácil escrever começando pela mais longa e ir cortando as informações até chegar a bio mais curtinha, que é quase uma tagline mesmo.

E agora, escritor, vamos partir para a ação? Já tem Nome, Foto e Bio? Acha que dá para melhorar? Tá na dúvida? Conta tudo para a gente nos comentários. Prometemos voltar para responder as suas dúvidas.

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *